(47) 3084-1957
Horario de atendimento de Segunda a Sexta Feira 08:00 às 17:00.
Sacola de Compras

* Calcule seu frete na página de finalização.

* Insira seu cupom de desconto na página de finalização.

Aditivos / Quimicos

Os aditivos automotivos melhoram o desempenho e até aumentam a vida útil das peças do seu carro. No mercado existem aditivos para carburador, aditivos para combustível, aditivos para limpeza de bicos e aditivos para motores, com o objetivo de melhorar a performance das peças e do próprio automóvel. Já os lubrificantes, mais conhecidos como óleo para carro, desempenham o papel de manter as peças do seu automóvel lubrificadas, garantindo o bom funcionamento do veículo. Você deve ficar atento à sua troca regular, pois com o tempo ele perde a viscosidade e com isso irá aumentar o atrito entre as peças. Dentro da linha de lubrificação, existem aqueles destinados a várias aplicações, não somente voltados para carros. Os desengripantes, por exemplo, são indicados para lubrificar e proteger todos os tipos de peças metálicas, cromadas ou não, contra a ação do tempo e podem ser utilizados para obter ótimos resultados em carros, correntes de motos e de bicicletas, barcos, peças mecânicas e eletrodomésticos em geral. O fluído para corte, limpa contato, graxa, óleo, silicone, vaselina e o grafite são os lubrificantes mais comuns. Confira nossa lista completa de aditivos e lubrificantes: aditivos para carburadoraditivos para combustíveladitivos para limpeza de bicosaditivos para motoresaromatizantes e outroscolas e vedadoreslimpeza automotivaprodutos para radiador.Testes mostram que os aditivos contidos na gasolina aditivada são ótimos para a limpeza do motor do carro. Isso está comprovado por montadoras e distribuidoras de combustíveis. Mas atenção: não confunda as substâncias aplicadas na aditivada com os aditivos complementares oferecidos em alguns postos e autopeças.Os detergentes têm a função de remover e evitar a formação de novos resíduos carbônicos deixados pela queima da gasolina. Os dispersantes quebram os resíduos removidos pelo detergente em finas partículas que podem ser expelidas pelo sistema de exaustão.Na gasolina aditivada os aditivos são aplicados pelas distribuidoras na formulação. A composição química varia um pouco de uma marca para outra, mas em geral elas contêm detergentes e dispersantes.Entenda por que a gasolina aditivada é diferente do aditivo complementar e este último não deve ser usado. Os aditivos colocados na composição da gasolina são resultado de anos de estudos e aplicados na medida certa conforme a proporção de gasolina pura. Já os complementares (aqueles vendidos em frascos separados para colocar no combustível) geralmente são colocados no tanque sem o controle exato, não importa se o carro está abastecido com 10 ou 30 litros de combustível.A aplicação do complementar sobre a gasolina já aditivada pode alterar ou anular os benefícios propostos pelos componentes. Portanto, o mais recomendado é o uso contínuo de somente gasolina aditivada para garantir a limpeza interna do motor.“Os aditivos complementares podem ter formulação química distinta em relação aos aditivos aplicados pelas distribuidoras, o que pode levar a efeitos antagônicos dentro do combustível já aditivado. Uma incompatibilidade entre aditivos pode, ao invés de limpar internamente o motor, promover um aumento de depósitos nas válvulas e bicos injetores.